Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Perdida por Lisboa

A capital vista pelos olhos de uma açoriana...

Perdida por Lisboa

24
Abr13

O percussionista angolano das ruas de Lisboa

NNC

 

Quem percorre as principais ruas de Lisboa depara-se muitas vezes com artistas de rua que tentam angariar algum dinheiro enquanto mostram a sua arte. Alguns, passam praticamente despercebidos, ora pela azáfama do dia-a-dia, ora porque ainda não descobriram a fórmula mágica para captar as atenções de quem por ali passa muitas vezes em passo acelerado e com a cabeça noutro lugar.

 

Mas há um artista que tem o dom de atrair mesmo quem vai com os pensamentos na lua. Chama-se Gaspar Silva, é um percussionista angolano, e entre sorrisos e gestos de simpatia toca músicas conhecidas em instrumentos originais.

 

Por vezes está sentado num canto da Baixa Chiado, outras no meio da Rua Augusta, mas sempre rodeado de multidões. Aqui param todo o tipo de pessoas. Lisboetas, turistas, adultos e jovens, com mais ou menos dinheiro na carteira. Alguns, menos envergonhados, dançam e cantam. Outros ficam apenas a observar.

 

Tiram-se muitas fotografias, fazem-se dezenas de vídeos. Mas, há algo comum a todos os que assistem a este espetáculo, o sorriso no rosto. 

Quem é a 'Perdida'?

Perdida nas redes

Perdida no Facebook

Perdida na Zomato

Vê a minha história gastronómica na Zomato!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Follow