Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Perdida por Lisboa

A capital vista pelos olhos de uma açoriana...

Perdida por Lisboa

01
Mai18

Olivier Avenida, um palácio com banquete

 

Mal entrei no Olivier Avenida, localizado no Hotel AVANI, junto à Avenida da Liberdade, a minha atenção prendeu-se na decoração. Os elegantes lustros, o enorme espelho da sala principal, os tons azul real, terra e dourado, as andorinhas espalhadas pelo espaço e o lindíssimo bar da entrada dão ao restaurante um ambiente requintado e sofisticado sem deixar de ser cosmopolita e moderno.


Apesar de estar de ténis e de vestidinho (tinha passado o dia a passear pela nossa Lisboa e não tive tempo de ir a casa antes do jantar) senti-me uma verdadeira princesa dos tempos modernos. A verdade é que o atendimento também ajuda. O staff é simpático e profissional, dá dicas para que a escolha dos pratos vá ao encontro dos gostos dos clientes e ainda torna o simples facto de beber vinho numa experiência encantadora com a forma como decantam esta bebida dos deuses.


Mas vamos à ementa...

 

 

O couvert é tão completo que é capaz de deixar muitas barrigas cheias. Nesta tábua há húmus, queijo, pasta de azeitona, queijo com salmão fumado e enchidos. Para acompanhar pedi, por sugestão do staff, o Havana Hibisco Mule (rum, gengibre e chá de hibisco) e digo-vos uma coisa: experimentem pleaseee! É impossível não gostar! Além das dezenas de cocktails, na carta há vinhos e sangrias para todos os gostos.


Depois do couvert, provei o famoso folhado de queijo de cabra com mel e nozes caramelizadas e o delicioso carpaccio de polvo que já tinha provado no Guily by Olivier.


Como prato principal eu e a minha amiga Tânia optamos pelo Bife Wellington (carne de novilho com massa folhada e molho do vinho do Porto) acompanhado com um cremoso puré de batata com trufa negra e salada mista com romã. Tudo excecional. Numa próxima visita ao restaurante, quero experimentar a picanha KOB e o linguini com molho de trufa.


Para terminar em grande...

 

Sobremesa.jpg

 

Provamos o petit gâteau de chocolate e a Bomba Branca (gelado de chocolate branco, merengado por fora, sobre uma base de bolacha e uma cama de frutos vermelhos). Se o primeiro era bom, o segundo foi, para mim, um dos momentos mais altos do jantar. A explosão de contrastes de sabores e texturas faz com que qualquer guloso fique com as papilas gustativas a palpitar de emoção.


Quanto aos preços da refeição, a média é de 40 euros por pessoa.

 

Olivier Avenida Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

 

 

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

Quem é a 'Perdida'?

Perdida nas redes

Perdida no Facebook

Perdida na Zomato

Vê a minha história gastronómica na Zomato!

Perdida pelo Instagram

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.