Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Perdida por Lisboa

A capital vista pelos olhos de uma açoriana...

Perdida por Lisboa

31
Jul18

Sai Prego no Marquês de Pombal

Prego4.jpg

 

O nome não deixa dúvidas, este restaurante é para os amantes dos pregos. Mas não penses que no Sai Prego, que abriu há uns meses na Rua Conde Redondo, no Marquês de Pombal, vais comer um simples bife no pão, porque isso não vai acontecer.

 

A carta foi criada pelo Chef Vítor Sobral e como tal os sabores deste tradicional petisco português foram reinventados. Há até uma versão de atum e outra vegetariana.

 

 

 

Eu provei o Prego de Porco com Pickles de Maçã Verde, do qual fiquei fã porque a acidez da maçã combina perfeitamente com o sabor adocicado desta carne, e o Original Prego, slow cook de novilho, tomate e cebola marinada. Além da carne, outro aspeto importante para quem gosta de pregos é o pão e a batata-frita e no Sai Prego isso é tido em atenção. O pão é fantástico e as batatinhas são caseiras e numa quantidade bem generosa, tal como devem ser.

 

Antes dos pregos ainda provei a Salada de Atum Fresco Marinado e o Carpaccio de Queijo da Ilha, duas entradas simples e frescas que deixam logo a barriga aconchegada.

 

Para terminar a refeição em grande, provei o Leite Creme, que estava bom, mas o que adorei mesmo foi o Pudim de Canela com Compota de Maçã.

 

Os preços variam entre 10 e 15 euros por pessoa. Ao almoço há menus do dia bastante em conta.

 

O espaço é jovem e descontraído e foi decorado com gosto. O que mais me chamou a atenção foi a cozinha aberta, a estante com cervejas artesanais e, claro, um painel de Regg Salgado, um artista urbano português que reinterpreta aqui a pintura ‘Praia das Maçãs’ de José Malhoa que retratava a taberna do Sr. Manuel Dias Prego e que os proprietários quiseram aqui homenagear.

 

Sai Prego Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

Quem é a 'Perdida'?

Perdida nas redes

Perdida no Facebook

Perdida na Zomato

Vê a minha história gastronómica na Zomato!

Perdida pelo Instagram

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.