Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Perdida por Lisboa

A capital vista pelos olhos de uma açoriana...

Perdida por Lisboa

30
Out18

10 coisas para fazer no Halloween em Lisboa

 

rawpixel-1084228-unsplash.jpg

                                                                                                                            Photo by rawpixel on Unsplash

 

O Dia das Bruxas é já amanhã por isso, tal como o ano passado, deixo aqui várias sugestões para fazeres em Lisboa no dia mais assustador do ano.

 

Dançar no meio de bruxas e zombies

Ellen Allien, Bem Sims, Jonas Kopp b2b Pfirter, Glove e Fvndo vão dar música na noite mais assustadora do ano no Pavilhão Carlos Lopes, no Parque Eduardo VII. O Halloween Lisbon Festival é organizado pela LX Music e os bilhetes custam 15 euros se comprares antes da festa nos promotores oficiais e na xceed.

 

Fiesta de Los Muertos

A Fábrica do Braço de Prata vai ter a festa de Halloween mais mexicana de Lisboa. A festa é inspirada no feriado mexicano, Dia de Los Muertos, que se assinala no dia 2 de novembro e vai contar com comida, disfarces e música tradicionais. As portas abrem às 20h00 para o jantar, que tem o custo de 20 euros para duas pessoas. Podes reservar através do email cozinhafbp@gmail.com ou do número 968 599 969. Já a festa tem um custo de 7.5 euros por pessoa mas se fores mascarado de Catrina ou Charro tens um desconto de 2.5 euros.

 

A traumatizada Laura

De 31 de outubro a 16 de novembro, por 20 euros, vai poder visitar o assustador Muzeum, na Escola Profissional Agrícola D. Dinis, na Pontinha. Quando chega a este museu alternativo, com uma sala de fuga, teatro imersivo e realidade aumentada e virtual, é recebido por Laura, uma criança traumatizada que pede para brincarem com ela…

 

A noite mais assustadora do ano no Hard Rock Cafe

Hard Rock Cafe Lisboa_Freakshake _halloween_2018 -

O Hard Rock Café Lisboa vai abrir as suas portas aos fantasmas, bruxas, aranhas e morcegos para receber a noite mais assustadora do ano. Para poder abanar o esqueleto, no dia 31 de outubro, a partir das 23h30, o espaço vai dar as boas à ‘The Spookiest Night’, com uma DJ Session e eleição do melhor disfarce da festa.

 

Um hotel muito sangrento

O Halloween no Hotel Evolution promete. A festa tem como mote a assustadora frase: ‘Troca o banho de espuma por um banho de sangue…’ por isso, resiste ao frio e vai, com a tua "melhor fatiota à noite mais sangrenta do ano. A festa, gratuita, começa às 22h00 e dura até às 2h00. Para mais informações e reservas clica aqui.

 

'The Phaton of Halloween' no Mercado

A festa mais exclusiva deste Dia das Bruxas vai realizar-se no Estúdio Time Out, no Cais do Sodré, com o tema ‘Fantasma da Ópera' e conta com muita música e performances relacionadas com esta famosa obra. A festa começa às 23h00 e tem o valor de entrada de 15 euros, com direito a welcome drink e máscara alusiva ao tema do evento.

 

Maior desfile de Lisboa dedicado ao Dia das Bruxas

É na freguesia do Areeiro que se vai realizar, pelo 5º ano consecutivo, o maior desfile de Lisboa dedicado ao Dia das Bruxas. A partir das 21h00, de dia 31 de outubro, a Lisboa Halloween Parade vai invadir a Avenida Guerra Junqueiro, a Praça de Londres, a Avenida de Roma e a Avenida João XXI. O evento conta com animação, música e petiscos inspirados nesta data. A participação é gratuita e há prémios para as melhores fantasias.

 

Boooo... no Jardim Zoológico

2881cfd15ee292ed1f5df6c5682a5ff4-754x394.jpg

 

Se preferes comemorar o Dia das Bruxas durante o dia, também há planos para ti e para toda a família. Nos dias 31 de outubro e 1 de novembro, o Jardim Zoológico vai assinalar o Halloween com uma oficina de produção de pega-monstros, trilhos assustadores pelo reptilário, entre outras surpresas. As crianças até aos 12 anos não pagam entrada, desde que totalmente mascaradas e acompanhada por dois adultos que paguem bilhete.

 

Uma caminhada & uma queimada

A cerca de 1 hora de Lisboa, em Setúbal, há uma caminhada seguida de queimada, organizada pela Tãlentos Team e Passeios Pedestres de Setúbal. O evento começa às 20h30 em frente à Loja do Cidadão, na Avenida Luísa Todi. De seguida, pelas 00h00, realiza-se uma queimada galega na Bardo Taverna Medieval. As inscrições podem ser feitas através do Facebook e custam 10 euros.

 

Um passeio pela misteriosa Sintra

Na misteriosa vila de Sintra a caminhada é só para mascarados, por isso veste o teu fato mais assustador e prepara-te para um passeio pela vila e pelos sinistros caminhos da serra, cheio de sustos, lendas e travessuras. A caminhada começa às 20h30, no adro da Igreja de São Martinho e vai durar cerca de três horas e oito quilómetros. As inscrições, que devem ser feitas através do email lynxtravel11@gmail.com, custam 7.5 euros.

15
Jun18

10 sítios em Lisboa para veres os jogos de Portugal no Mundial

PT.jpg

                                                                                                                                                                                 Photo by Moranguitta on Visual Hunt

 

O Mundial de Futebol 2018, que se realiza este ano na Rússia, já começou, mas é hoje que para nós portugueses começa realmente a competição. Por isso, se ainda não sabes onde vais ver os jogos, aqui ficam 10 sítios em Lisboa onde podes festejar todas as vitórias do nosso país.

 

Terreiro do Paço - A Praça do Comércio transformou-se na Arena Portuga para receber o maior evento de futebol do mundo. Aqui há um ecrã gigante, relva e várias food trucks para que nada falte aos adeptos que vão encher este recinto nos jogos de Portugal.

 

Time Out Market - O Mercado da Ribeira, no Cais do Sodré vai assegurar a transmissão de todos os jogos do Mundial em dois ecrãs gigantes.

 

Clube Ferroviário - Os jogos do Mundial vão ser transmitidos na sala TGV do Clube Ferroviário, em Santa Apolónia. Nos intervalos e no fim dos jogos não se esqueça de subir ao terraço para desfrutar de um cocktail enquanto usufrui deste magnífico espaço com decoração tropical.

 

Village Underground Lisboa - Este espaço de Alcântara, onde a cultura e a criatividade andam sempre de mãos dadas, vai também ser palco de festa durante o Campeonato do Mundo. A transmissão dos jogos de Portugal está garantida, mas muitos mais terão aqui palco.

 

Dolce Vita Tejo – A praça central do centro comercial da Amadora Dolce Vita Tejo vai se tornar num miniestádio durante o Mundial 2018. Além das bancadas, os adeptos vão poder assistir aos jogos num dos maiores ecrãs LED permanentes na Europa. Nos jogos de Portugal há ainda música para animar o público e distribuição de brindes.

 

Quiosques da Avenida da Liberdade – De acordo com a revista Time Out, todos os quiosques da Avenida da Liberdade estão preparados para receber os fervorosos adeptos que não querem perder pitada do Mundial.

 

Fanzone de Benfica – A Junta de freguesia de Benfica criou o local ideal para ver os jogos do Mundial 2018 em família. Além do ecrã gigante, a Quinta da Granja vai ter insufláveis, matraquilhos, food court e muita animação.

 

Arraial da Voz do Operário –Se achas que bola e Santos Populares são como água e azeite, não podias estar mais enganado. Na rua da Voz do Operário, na Graça, palco de muitos arraiais durante as Festas de Lisboa, os bailaricos vão fazer uma pausa para receber, no ecrã gigante instalado na zona, os jogos do Mundial.

 

Mercado da Vila - O Mercado de Cascais também aderiu à febre do futebol que durante um mês vai afetar todo o mundo e instalou um ecrã gigante para transmitir os jogos do Mundial.

 

Quiosque do Cais do Sodré – Além de poderes desfrutar de um magnífico pôr do sol, aqui vais poder assistir aos jogos de Portugal no Mundial 2018. Hoje, 15 de junho, há ainda bailarico de Santos Populares depois do jogo.

 

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

10
Jun18

10 coisas que não podes mesmo perder durante os Santos Populares

Alfama2.jpg

 

O mês de junho já começou e com ele os 1001 programas dos Santos Populares que dão a Lisboa ainda mais cor nesta altura do ano. O auge da festa acontece na noite de 12 para 13 de junho, mas há animação durante todo o mês.

O ano passado falei-te aqui da história das maiores festas da capital, dei-te dicas para aproveitares as festas sem percalços e revelei-te quais os meus arraiais preferidos.

Este ano decidi fazer uma lista de 10 coisas que não podes mesmo perder durante as comemorações dos Santos Populares.

 

1) Arraiais

Tinha de começar por aqui. Quando chegam os Santos Populares qualquer um de nós pensa logo em bailaricos e cervejinha, a dificuldade é escolher um dos mais de 40 arraiais que assentam em Lisboa nesta altura do ano. Para te ajudar a escolher, selecionei alguns dos meus preferidos e as datas em que há festa em cada um deles.

  • Vila Berta: de até 16 de junho
  • Graça

        Voz do Operário: 12, 13, 15, 16, 22, 23, 29 e 30 de junho

        São Vicente: até 17 de junho

  • Alfama

        Rua de São Miguel e arredores: 12 e 13, 15 e 16, 22 e 23, 29 e 30 de junho

  • Bica

         Arraial de Santa Catarina (menos confusão): todos os dias até 17, de 20 a 24 e de 27 a 30

         Calçada da Bica Grande: de 12 a 17, de 20 a 24 e de 27 a 30

  • Grande Arraial de Benfica

      21 de junho – Quim Barreiros

      22 de junho - Matias Damásio

      23 de junho – Raquel Tavares

      24 de junho – Jorge Palma

     Clique aqui para ver a lista completa de todos os arraiais de Lisboa

 

2) Comprar um manjerico

Se há coisa que não podes deixar de fazer nesta altura é comprar um manjerico. Se tens namorado (a) compra para lhe oferecer. Se não tens, compra para atrair um futuro (e bom) amor.

 

3) Marchas Populares

Outra coisa que não podes perder é o desfile das Marchas Populares no dia 12 de junho, a partir das 21h00, na Avenida da Liberdade. Este evento realiza-se há 86 anos e é um dos momentos mais esperados das Festas de Lisboa.

 

4) Bifanas, sardinhas e farturas

Esquece a comida de garfo e faca. Nas Festas de Lisboa a sardinha é rainha assim como a bifana no pão. Se queres comer sentado o melhor é chegares cedo. No final da noite, não te esqueças de passar por uma barraquinha de farturas, diz quem sabe que ajuda a curar a ressaca.

 

5) Pride

É a 22ª edição do Arraial Lisboa Pride, uma festa dedicada ao público LGBTI, mas com entrada aberta a todos. Este arraial tem lugar no dia 23 de junho, no Terreiro do Paço e tem entrada livre.

 

6) Trezena de Santo António

Até dia 13 de Junho há uma Trezena em honra de Santo António, com música no Museu de Lisboa - Santo António e na Igreja de Santo António. Os concertos são abertos ao público e contam com nomes como Márcia, António Chainho, Marta Dias, André e Bruno Santos ou Mafalda Arnauth.

 

7) Ver as estrelas nas ruínas da Igreja do Carmo

Até ao final de junho, as ruínas da Igreja do Carmo vão receber um espetáculo de videomapping noturno. O Lisbon Under Stars é uma projeção multimédia que, aliada à música e dança, promete transformar as ruínas do Carmo numa máquina do tempo que nos transporta por mais de 600 anos da história de Lisboa. Há duas sessões por dia – uma às 21h30 e outra às 22h45 – de segunda a sábado, até dia 30 de junho. O bilhete custa 15 euros/pessoa.

 

8) Fado no Castelo

De 14 a 16 de junho o Castelo de São Jorge recebe um dos pontos altos das Festas de Lisboa: O Fado do Castelo. Carlos do Carmo, António Serrano, Carminho e Camané são algumas das vozes que vão passar por aqui para animar a malta. Os espetáculos têm entrada gratuita e começam pelas 22h00.

 

9) Revenge of the 90’s

As festas da moda chegaram aos Santos Populares e desta vez o local já é conhecido assim como o cartaz. Melhor do que isso? Desta vez é gratuito. Tudo vai acontecer no dia 12 de junho, nos jardins do Campo Pequeno. Do cartaz fazem parte nomes como o Pequeno Saúl, Ruth Marlene e os Galão com Coca. Para saberes mais é só clicar aqui 

 

10) Feira do Livro

Apesar de não estar diretamente relacionada com as Festas de Lisboa, a Feira do Livro estende-se até ao dia de Santo António. Além dos livros, o Parque Eduardo VII vai receber, até dia 13 de junho, múltiplas atividades, workshops, sessões de autógrafos, apresentações, e até food trucks. Um plano mais calmo, mas não menos divertido para fazer nesta altura do ano.

 

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

30
Mai18

10 coisas para fazer no Dia da Criança em Lisboa

anna-kolosyuk-551398-unsplash.jpg

                                                                                                                                                                          Photo by Anna Kolosyuk on Unsplash

 

O Dia da Criança está à porta e como este ano calha numa sexta-feira as comemorações prolongam-se durante o fim de semana. Há imensas atividades e programas para surpreender os pequenotes, basta fazer uma pesquisa na internet. Contudo, eu dou uma ajudinha e deixo aqui 10 sugestões para todos os gostos e carteiras:

 

1 - Dia da Criança solidário

Porque de pequenino… é que se deve começar a ajudar os outros, o Alegro Alfragide vai celebrar o Dia da Criança com um mega atelier de costura solidária no sábado, dia 2 de junho. O objetivo é que as nossas crianças possam ajudar a costurar calções e vestidos para a Dress a Girl Around the World, com o objetivo de levar muitos sorrisos a crianças que vivem em condições de pobreza extrema por todo o mundo. O evento vai realizar-se na Praça Principal do centro comercial e é composto por duas sessões, uma às 10h30 e outra às 15h00. Para participar basta preencher o formulário de inscrição prévia.

 

2 - Um mini festival com yoga e meditação

O Parque Florestal de Monsanto vai ser o palco para um mini festival dedicado aos mais pequenos. O ‘Pequeno Buda’ tem início, no Anfiteatro Keil do Amaral, pelas 10h00 de sábado, 2 de junho. Além da música ao vivo e dos vários jogos, crianças e pais vão poder experimentar yoga, atividades relacionadas com arte, nutrição e mindfulness. O evento, dirigido para toda a família, tem entrada livre e uma zona de street food para repor as energias.

 

3 - Exposição Angry Birds

As aves mais famosas do mundo aterraram no Pavilhão do Conhecimento para divertir, ao vivo, miúdos e graúdos. A exposição Angry Birds vai estar até setembro em Lisboa, mas nada melhor do que aproveitar este dia especial para recordar o jogo que colocou toda a família a proteger ovos de pássaros de porcos verdes (Adultos: 9 euros; Crianças:6/7)

 

4 - Aldeia Medieval com animação para toda a família

Nos dias 1, 2 e 3 de junho, a Praceta Duque de Saldanha, no Cacém, vai transformar-se numa Aldeia Medieval para comemorar em família o Dia da Criança. A organização promete transportar os visitantes para a época medieval onde podem desfrutar de sabores e aromas antigos, com decoração fidedigna e alusiva à época. Além da gastronomia, o evento vai contar com jogos da feira, danças do oriente, torneio de armas, mouros, templários e até bobos da corte.

 

5 - Quintas pedagógicas na capital

toni-cuenca-391123-unsplash.jpg

                                                                                                                                                                        Photo by Toni Cuenca on Unsplash

 

Já não precisas ir ao campo para estares rodeado de espaços verde e de animais. Há várias quintas pedagógicas em Lisboa que vão fazer as delícias de quem gosta do meio rural. A minha sugestão de hoje recai na Quinta Pedagógica dos Olivais, onde a criançada pode alimentar vários animais, como porcos, vacas e galinhas, e participar em ateliês de cerâmica e tosquia.

 

6 - Sessão de Cinema

Na quinta-feira, dia 31 de maio, chega aos cinemas o ‘Príncipe Bué Encantado’ mesmo a tempo de animar o Dia da Criança. O filme conta a história de Filipe, um jovem que foi amaldiçoado à nascença com um charme irresistível que conquista o coração de todas as donzelas do reino. Para quebrar o feitiço o jovem vai ter de enfrentar vários desafios. Uma aventura que pretende animar toda a criançada. David Carreira e Cuca Roseta dão voz às personagens principais.

 

7 - Aprender a cozinhar na Academia Time Out

Se tens um mini-chef lá em casa, aqui está a prenda ideal para lhe ofereceres. No domingo, dia 3 de junho, os miúdos vão poder aprender a fazer ‘As Melhores Panquecas de Sempre’. O workshop começa às 16h00, tem a duração de 1h30 e custa 25 euros.

 

8 - Ler e reler no Jardim das Oliveiras

Se o teu filho adora livros aproveita para o levar ao Jardim das Oliveiras, junto ao Centro Cultural de Belém, para participarem no projeto ‘Livros Viajantes’. Basta levar um livro que já tenha lido e trocar por outro que lá esteja.

 

9 - Reciclar na OHficina

No Parque Marechal Carmona, em Cascais, existe uma oficina onde se trabalha a educação, a sustentabilidade ambiental e a arte. A OHficina é, basicamente, um espaço com materiais improváveis que podem ser partilhados e utilizados para contruir algo. Durante a semana, este ateliê está aberto para receber a comunidade e escolas (sempre por marcação: 914838321 ou ohficina.pt@gmail.com). Ao fim de semana, há workshops para famílias. Basta ver no Facebook do espaço a temática deste fim de semana. A formação começa às 10h30 e custa 5 euros por família.

 

10 - Hello Park: adeus ecrãs, olá sujidade

Hello Park apresenta-se como um espaço onde não há ecrãs e onde o objetivo é que as crianças se sujem. Vá relaxa, nada que a máquina de lavar roupa não resolva. Deixa os pequenitos aproveitarem à vontade este espaço ao ar livre, localizado no Parque da Serafina.  Aqui há insufláveis, escalada, plataformas de arborismo e um anfiteatro ao ar livre, tudo preparado para aproveitarem em pleno o Dia da Criança.

 

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

 

23
Abr18

10 coisas para fazer na Primavera em Lisboa

photo-1490006043117-7d3126a1c887.jpg

                                                                                                                                                                             Photo by ORNELLA BINNI on Unsplash

A Primavera já começou há um mês, mas como a chuva e o frio não queriam ir embora, estava difícil inspirar-me para este post. Contudo, parece que a vem aí o calor e vamos poder finalmente usufruir a hora extra de luz solar desta colorida estação. Por isso ficam aqui 10 sugestões para fazer na Primavera em Lisboa:

 

1 - Um giro de bicicleta pela cidade

Agora que Lisboa ganhou uma rede de bicicletas partilhadas, que até tem o nome catita de Gira, já podes percorrer a cidade ao mesmo tempo que fazes exercício. O Parque das Nações, Alvalade e as Avenidas Novas já têm docas, mas em breve vais poder alugar bicicletas também no Marquês de Pombal e Avenida da Liberdade. Para isso basta instalares a app Gira e seguires as indicações. O custo do aluguer é de 2€ diários.

 

2 - Merendar no Jardim da Cerca da Graça

Lisboa tem jardins para todos os gostos, por isso não vão faltar opções para passeares em zonas verdes durante a Primavera. Um dia faço um post dedicado a estes lugares, mas hoje deixo aqui a sugestão de um dos jardins mais recentes da capital. O Jardim da Graça é o maior espaço verde de acesso público da zona histórica da cidade. Tem três miradouros, um pomar, um parque infantil e um parque de merendas onde poderá almoçar com toda a família.

 

3 - Pôr a leitura em dia no Palácio Baldaya

Baldaya.jpg

 

Depois de vários anos em obras, o Palácio Baldaya, em Benfica, reabriu e tornou-se um dos meus esconderijos preferidos para ler ou beber um café ao final do dia. Este espaço cultural tem salas com exposições, biblioteca, salas para cowork, uma cafetaria com esplanada e jardim. Além disso, aqui também têm lugar pequenos concertos, tertúlias e workshops.

 

4 - Diz sim à felicidade (e calorias) no The Sweet Art Museum

Eu sei que muito provavelmente andas a contar as calorias do que comes para saberes quantas horas de ginásio tens de fazer antes de chegar ao Verão, mas não vais resistir a esta sugestão. Em maio chega a Marvila o The Sweet Art Museum e com ele uma piscina de marshmallows, uma Ice Cream Land e um Candy Wash Room com chupa-chupas XXL. Vá, a experiência é digital, mas vais poder provar algumas doçuras, por isso começa já a fazer exercício.

 

5 - Trepar árvores no Jamor

Se calhar não sabes (eu não fazia ideia e já morei lá perto), mas o Jamor tem um dos maiores circuitos de arborismo da Península Ibérica. Por isso, se gostas de adrenalina experimenta o Mega Circuito do Adventure Park. Tens 45 obstáculos para enfrentar, um deles chega mesmo aos 12 metros de altura. O espaço está aberto todos os dias das 10h00 às 18h00 e o preço da atividade é de 20€ para adultos e 16.50€ para menores.

 

6 - Piquenique

lucie-capkova-349663-unsplash.jpg

 

Enche a cesta de coisas boas, pega numa toalha grande, que dê para te refastelares, e parte à procura de um dos imensos jardins da capital onde podes fazer um piquenique. O Jardim José Gomes Ferreira, mais conhecido por Mata de Alvalade, é um dos exemplos. Há uma zona de churrascos, um parque infantil e uma pista para bicicletas para pedalar.

 

7 - Conhecer a cidade num carro falante (e amarelo)

Se costumas andar por Lisboa com certeza já te cruzaste com uns pequenos carros amarelos falantes. Esses veículos são da GoCar Tours e são dotados de uma tecnologia avançada que dá informação turística, histórica e cultural sobre a capital. O passeio é para duas pessoas e é preciso carta de condução para os conduzir. No site da empresa podes ver os tours disponíveis. No site da MyGon está a decorrer uma campanha onde um passeio de 1h30 fica por 17 euros.

 

8 - Caminhar e meditar na Primavera

É assim que se chama o mais recente desafio da Green Trekker, uma empresa que organiza passeios todo-o-terreno com diferentes itinerários e valores. Durante as caminhadas, que acontecem muitas vezes junto à costa, as pessoas divertem-se e convivem enquanto contactam com a natureza. Para saberes quando são as próximas caminhadas e quais as aventuras disponíveis é só clicar aqui

 

9 - Visitar o Cristo Rei

Cristo Rei é o monumento religioso com a melhor vista sobre Lisboa, pois oferece uma vista panorâmica sobre a capital e sobre a Ponte 25 de Abril. O santuário fica localizado na freguesia do Pragal, no concelho de Almada, a uma altitude de 113 metros acima do nível do Tejo. É uma das mais altas construções de Portugal, terminada em 1959 e inspirada no Cristo Redentor do Rio de Janeiro. Aproveita para visitar o Cristo Rei na Primavera, antes das enchentes do Verão.

 

10 - Procrastinar num qualquer terraço de Lisboa

Este é outro assunto sobre o qual quero fazer um post em breve. Mas é difícil escolher os melhores terraços de Lisboa. São tantos e tão bons. Mas hoje sugiro o Rio Maravilha porque além de poderes beber um copo ao final do dia também podes ser surpreendido por boa música e alguma festa.

 

Segue-me nas redes sociais:

Facebook | Instagram

Quem é a 'Perdida'?

Perdida nas redes

Perdida no Facebook

Perdida na Zomato

Vê a minha história gastronómica na Zomato!

Perdida pelo Instagram

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.